21 de abr de 2010

Ix Bienal Internacional do Livro do Ceará

No dia 16 de abril de 2010, 7 horas da manhã, partiram em caravana rumo à Fortaleza em um clima de festa e descontração, 302 participantes, entre professores e alunos das escolas estaduais dos municípios da área de abrangência da 19ª CREDE, além de técnicos desta regional. A IX Bienal Internacional do Livro do Ceará,teve como tema principal “O Livro e a Leitura dos Sentimentos do Mundo”.
A homenageada desta edição foi a escritora cearense Rachel de Queiroz, que completaria 100 anos em 2010 e cujas obras irão nomear espaços montados no local de realização do evento. A Bienal do Ceará reuniu alguns dos principais nomes da literatura mundial e nacional, editoras, livrarias que compõem as cadeias do livro e da leitura, em uma vasta programação. A caravana da 19ª CREDE ficou hospedada no Porto D'Aldeia Resort, participaram da Bienal no dia 17 abril de 2010, no horário das 09:00 às 11:00.
Cada professor participante teve direito a um CardLivro no valor de R$ 100,00 e cada aluno participante um CardLivro no valor de R$ 50,00 para compra de livros à sua escolha pelos diversos estandes das editoras presentes no evento.


A IX Bienal Internacional do Livro do Estado do Ceará é uma ação de política pública do Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), visando o acesso ao livro e debates, numa promoção pelo Sindilivros.
Fonte: crede19         

E este foi  o transporte que sobrou para os professores jardinenses. Um micro desconfortável, sem ar condicionado e sem cortinas.

De Estou aqui





9 de abr de 2010

Todo mundo conhece o plástico bolha

Plástico bolha é um tipo de plástico que serve para proteger os produtos ou objetos em transporte. Foi criado por dois engenheiros, Alfred Fielding e Marc Chavannes, em 1957. Como muitas outras inovações, foi acidental: Eles tentavam criar uma plano de fundo de plástico texturizado com o verso em papel que pudesse ser facilmente limpado. O termo é uma marca registrada da Sealed Air Corporation (EUA) que foi fundada em 1960 por estes inventores e teoricamente só pode ser usado pelos produtos desta companhia.
Produzido em filme de polietileno de baixa densidade, com bolhas de ar prensadas, o plástico-bolha é um produto que proporciona excelente proteção aos materiais nele embalados. Outra aplicação largamente utilizada do plástico-bolha é no revestimento de pisos antes da aplicação de carpetes de madeira, proporcionando uma ótima isolação acústica. Este material pode ser também laminado com papel e transformado posteriormente em envelopes, para transporte de produtos frágeis e outros que requeiram cuidados especiais. 
Fonte: Wikipedia

O plástico bolha  pode ser  usado como um passatempo. O fato de estourar as bolhas, apertar as bolhas uma a uma, ouvindo o calmante som "plec", torcer o plástico para estourar o maior número possível de uma vez ou até mesmo pisar em cima, pode ser uma atividade desestressante para muita gente.
A atividade já virou até joguinho.  Acalme-se estourando bolhas.


Divirta-se com Estoura bolhas de plástico, Grátis!
www.JogoOnlineGratis.com.br

7 de abr de 2010

O Nome Google




Ao batizarem o serviço de busca como Google, seus criadores pretendiam um nome que demonstrasse a imensidão da web: Google foi escolhido por causa da expressão googol(lê-se gugol – sua forma de escrita em Portugal). Googol é o Nº 10 elevado a 100, ou seja, o dígito 1 seguido de cem zeros.
A expressão googol surgiu de um fato um tanto curioso. O matemático Edward Kasner questionou o seu sobrinho de 8 anos sobre a forma como ele descreveria um número grande - um número realmente grande: o maior número que ele imaginasse. O pequeno Milton Sirotta emitiu um som de resposta que Kasner traduziu por "googol". Mais tarde, Kasner definiu um número ainda maior: o googolplex.
Segundo o documentário do Biography Channel sobre os criadores do Google, quando o primeiro investidor da empresa passou um cheque de 100 mil dólares perguntou a que ordem o devia passar. Brin e Page disseram que estavam a pensar dar o nome de "Googol" à empresa, mas o empresário, possivelmente por ignorância, escreveu "Google", obrigando, assim, a que a empresa tivesse este nome.




Fontes: wikipedia
Brasil, Programa de Formação Continuada em Tecnologia Educacional.